top of page

Botox®: indicações clínicas não cosméticas

Os usos clínicos da toxina botulínica para doenças específicas foram estabelecidos muito antes do uso estético. Para algumas condições a toxina botulínica é particularmente eficiente. Neste artigo descrevo algumas das indicações clínicas mais comuns.


Hiperidrose focal primária

Algumas pessoas sofrem com suor excessivo nas axilas, palmas das mãos e solas dos pés. Antitranspirantes são considerados a primeira linha de tratamento, por serem baratos e fáceis de usar. Infelizmente, nem todos os pacientes terão resultados satisfatórios. Nesses casos indicamos a toxina botulínica, que é bem eficiente para essa condição.

Em um estudo, 19 pessoas receberam injeções de toxina botulínica em uma mão e placebo em outra. Todos os pacientes avaliaram os resultados na mão injetada com toxina botulínica como um sucesso, e apenas 12% perceberam resultados significativos na mão tratada com placebo.¹

Eventos adversos são leves e duram pouco tempo, como fraqueza nas mãos.  A duração do efeito varia entre 2 e 22 meses. 6 meses é um tempo de duração comum.


Distonia

A distonia é uma doença neurológica caracterizada por uma contração intermitente ou sustentada de um músculo. Vários músculos podem ser afetados. Formas comuns incluem a cãibra do escritor e a distonia cervical. A toxina botulínica pode ser injetada no músculo para diminuir o tônus e melhorar os sintomas.

Enxaqueca crônica

A enxaqueca crônica é um tipo específico de enxaqueca. Para o diagnóstico, é necessária a presença de dor de cabeça ocorrendo em ao menos 15 dias no mês, com características sugestivas de enxaqueca em algumas das crises.

Alguns anticonvulsivantes e beta-bloqueadores são indicados como medicação de primeira linha. Para os pacientes que não responderam, a injeção de toxina botulínica é uma opção de tratamento bem estabelecida.²

Geralmente é feito um protocolo com injeção de 31 pontos na cabeça e no pescoço. O mecanismo pelo qual a toxina botulínica trataria a enxaqueca crônica permanece pouco estabelecido.

São usadas 155 unidades de toxina onabotulínica (Botox®). O custo do tratamento é alto, o que limita o uso desse tratamento como primeira linha.


Para mais informações sobre o Botox, veja meus outros artigos aqui e aqui.


Atenciosamente,

Dr. Rafael Muller de Carvalho

Médico CRM-SP 218482


Referências

1.Lowe NJ, Yamauchi PS, Lask GP, Patnaik R, Iyer S. Efficacy and safety of botulinum toxin type a in the treatment of palmar hyperhidrosis: a double-blind, randomized, placebo-controlled study. Dermatol Surg. 2002 Sep;28(9):822-7. doi: 10.1046/j.1524-4725.2002.02039.x. PMID: 12269876.

2. Aurora SK, Dodick DW, Turkel CC, DeGryse RE, Silberstein SD, Lipton RB, Diener HC, Brin MF; PREEMPT 1 Chronic Migraine Study Group. OnabotulinumtoxinA for treatment of chronic migraine: results from the double-blind, randomized, placebo-controlled phase of the PREEMPT 1 trial. Cephalalgia. 2010 Jul;30(7):793-803. doi: 10.1177/0333102410364676. Epub 2010 Mar 17. PMID: 20647170.

Commentaires


bottom of page